É praticamente um fato que a tecnologia tem um potencial enorme para as mais diversas empresas. Não é à toa que a transformação digital é um dos maiores objetivos dos negócios de praticamente qualquer setor. No varejo, especificamente, a tecnologia apresenta a oportunidade de mudar as interações com o público e tornar os processos ainda mais eficientes. Porém, a implementação de pilotos de tecnologia não acontece sem seus desafios.

O planejamento é o pilar básico para qualquer piloto de tecnologia dentro do varejo. Afinal, implementar uma nova solução é complexo, muitas vezes, envolvendo diversos departamentos e profissionais de disciplinas diferentes. Não é fácil, inclusive considerando que todos irão estar perfeitamente alinhados.

Porém, mesmo assim, empresas gastam fortunas para implementar soluções de tecnologia, pois sabem que o potencial de retorno é enorme. Por exemplo, entre 2016 e 2018, foram investidos mais de U$ 100 bilhões em soluções de transformação digital.

Então, o que acontece quando estas iniciativas não dão certo ou não alcançam os resultados esperados?

Tecnologia no varejo precisa ser planejada

Para evitar isso, é preciso que haja muito planejamento, especialmente no momento de implementação do piloto. Este, é o momento é que é colocado a primeira instância da solução, de modo a testar a sua eficiência e viabilidade. Então, após a implementação do piloto, é preciso haver a escalabilidade, para que a solução possa ser usada de forma mais eficiente, por uma parte maior da empresa.

Por isso, o mais importante é que haja um alinhamento bem claro em relação às metas que serão alcançadas com a implementação da nova tecnologia. É fundamental entender, antes de tudo, porque a solução está sendo usada e o que a empresa espera conseguir com isso.

Então, é importante que as empresas estejam preparadas para fazer a implementação do projeto-piloto e também aprimorar as competências para fazer a sua escalabilidade, no momento adequado.

Os erros neste caso, ocorrem de duas formas. Ou não é feito um projeto-piloto e a empresa investe em uma tecnologia sem ter a certeza de que dará certo, ou existe uma dificuldade em passar deste primeiro passo para o todo.

É um dilema também comum nas startups. Se você está implementando uma solução piloto, isso é relativamente simples. Mas, ao escalar esta solução, o processo é mais complexo.

Por isso, as empresas devem planejar e ter uma competência interna para ajudar na escalabilidade do projeto-piloto, ou contar com experts que ajudam a aumentar o piloto para todo o varejo.

É importante saber que cada piloto de tecnologia é completamente único. As soluções, do ponto de vista do projeto-piloto podem ser semelhantes, mas é preciso que haja um planejamento e uma competência para apoiar a sua escalada. Isso ocorre porque cada um é diferente, tem certos desafios, o que significa que as soluções se encaixam melhor em determinados momentos.

Por isso que é tão importante ter uma competência específica para a escalabilidade da tecnologia no varejo, de modo que a solução possa ser mais bem aproveitada dentro de cada negócio específico.

Quer conhecer as soluções de tecnologia ideais para o seu negócio e a melhor forma de implementá-las? Então, preencha o formulário  para que possamos entrar em contato.